23 jul 12 – Brasileiros muito ricos têm 4ª maior fortuna em paraísos fiscais – Sabia que isto também é corrupção?

A matéria constou em vários sites hoje e acho que devemos comentar por sua importância no contexto social, moral e ético:

…Se o mundo tá uma m… isto tem explicação sim!

Brasileiros muito ricos têm 4ª maior fortuna em paraísos fiscais

http://economia.terra.com.br/noticias/noticia.aspx?idNoticia=201207221532_BBB_81427745

Reprodução do site Terra:

“Brasileiros muito ricos detêm o equivalente a um terço do Produto Interno Bruto, a soma de todas as riquezas produzidas do país em um ano, em contas em paraísos fiscais, livres de tributação. Trata-se da quarta maior quantia do mundo depositada nestas modalidade de conta bancária.

A revelação foi feita neste domingo por um estudo inédito, que pela primeira vez chegou a valores depositados nas chamadas contas offshore, sobre as quais as autoridades tributárias dos países não têm como cobrar impostos.

O documento The Price of Offshore Revisited, escrito por James Henry, ex-economista-chefe da consultoria McKinsey, e encomendado pela Tax Justice Network, mostra que os brasileiros muito ricos somaram até 2010 cerca de US$ 520 bilhões (ou mais de US$ 1 trilhão) em paraísos fiscais.

O estudo cruzou dados do Banco de Compensações Internacionais, do Fundo Monetário Internacional, do Banco Mundial e de governos nacionais para chegar a valores considerados pelo autor conservadores. Em 2010, o Produto Interno Bruto Brasileiro somou cerca de R$ 3,6 trilhões.

Enorme buraco negro
O relatório destaca o impacto sobre as economias dos 139 países mais desenvolvidos da movimentação de dinheiro enviado a paraísos fiscais. Henry estima que desde os anos 1970 até 2010, os cidadãos mais ricos desses 139 países aumentaram de US$ $ 7.3 trilhões para US$ 9.3 trilhões a “riqueza offshore não registrada” para fins de tributação. A riqueza privada offshore representa “um enorme buraco negro na economia mundial”, disse o autor do estudo.

Na América Latina, chama a atenção o fato de, além do Brasil, países como México, Argentina e Venezuela aparecerem entre os 20 que mais enviaram recusos a paraísos fiscais.”

Comentários nossos:

De fato esta informação não é nova. Todo mundo na área de economia sabe que existe e existiu principalmente no passado de décadas atrás uma enorme evasão de capitais de brasileiros pessoas físicas e empresas, caixa dois, para contas numeradas, contas de off-shore em vários paraísos fiscais.

Ao longo do tempo este valores foram drenados para o exterior; isto é uma riqueza escondida dos fisco para não pagar impostos.

Quem diria, os ricos, não todos evidentemente, mas muitos e muitos ricos roubaram escandalosamente o país. O dinheiro de corrupções certamente faz parte do “bolo”, mas pode ter certeza que é a menor parte. A maior parte é mesmo de “elitistas”, donos de empresas, acionistas, etc., que fraudaram e continuam a fraudar descaradamente capitais ganhos aqui no país e sem pagar nenhum imposto legalmente, o que os torna “bandidos” também.

Corrupção não é algo tão restrito aos políticos que roubam mesmo ou fazem mau uso dos impostos recolhidos, mas também tem aspectos de corrupção moral, ética comportamental. Como já explanamos no texto sobre – O que é corrupção.

Basta enganar a outro propositalmente, conscientemente para obter alguma vantagem pessoal, pecuniária ou mesmo só por vaidades que certamente estamos nos corrompendo, posto que o ser humano não é um bicho canalha, sem vergonha que aparenta ser nos dias atuais. Ele pode ser isto, um animal,  por sua livre escolha, mas originalmente ele não é assim e caminha na evolução para nunca agir de forma a obter algum tipo de vantagem sobre os outros, quem quer que seja, através do embuste, da enganação, da mentira.

Vamos repetir: embora ser ético, moralmente correto seja uma característica da criação de todo o ser humano, ele durante a vida, muitas vezes, se propõe a ser corrupto, se corrompendo através da mentira, da enganação para obter algum tipo de vantagem sobre os outros, por vaidade, egoísmo pessoal, ou resumindo, pela sua própria ignorância pessoal. Isto não é ser mais esperto que os outros, isto é ser um ignorante social, um pária na sociedade.

Observem que as crianças são puras, verdadeiras, corretas, contudo vão aos poucos adotando comportamentos falhos ao aceitar e aprender como certo o que está de errado hoje. A sociedade fabrica os seus próprios “monstrinhos” que vai atormentá-los no futuro.

As elites no Brasil e no mundo sempre foram protegidas ao ser sempre taxada por valores baixos graças ao sistema legal tributário que os favorece com tabelas lineares e proporcionalmente é o grupo social que menos paga impostos neste país. A proporcionalidade na tributação que deveria ser uma regra justa inexiste porque a própria lei é proposta pela própria elite, pelos “nossos vereadores, deputados estaduais, deputados federais e senadores” que formam o Poder Legislativo do país, os quais ao invés de trabalharem para o Povo na busca constante da justiça social, apenas representam a si próprios e grupos que representam.

No artigo em pauta denuncia-se que brasileiros e empresas brasileiras e/ou com atividades aqui, sonegaram entre 500 bilhões a 1 trilhão de dólares que estão em paraísos fiscais e evidentemente isto foi acumulado em décadas de exploração não do fisco somente, não do país somente, mas de todo um povo trabalhador, de cada brasileiro que vive aqui. Estes fraudadores certamente acham mesmo que somos uns otários. 

Este dinheiro é sujo, é corrupto, é manchado de sangue de brasileiros que morrem a cada dia em fila de SUS, em assaltos nas esquinas, em homicídios violentos, em vítimas do tráfico de armas e drogas. Engraçado que são os elitistas fraudadores os que mais reclamam e exigem proteção policial. Como assim? Se eles não pagam os impostos que direitos eles teriam?

Imaginem se 500 bilhões de dólares fossem aplicados em construção de escolas e hospitais, teríamos no mínimo cem vezes mais do que  hoje e não teríamos tantas dificuldades com tanta gente analfabeta ou semi analfabeta. Poderíamos ter não somente um Hospital das Clínicas, que é modelo de referência, mas uns cem deles espalhados no país.

O resultado disto tudo com certeza aumentou o numero de crimes neste país e de tantas mortes por falta de recursos, de assistência médica e segurança.

Já disse várias vezes que a miséria é a causa master de todos os males que afligem o ser humano na sociedade. E a única forma de diminuirmos isto é através do investimentos na própria sociedade através do dinheiro arrecado em impostos. Não há outro caminho.

Pagar os impostos, não importa se você acha muito, não interessa se acha justo ou não, é antes de um dever legal, cívico ao país, é um dever moral e ético de todos os seres humanos que vivem em sociedade e se beneficiam desta sociedade. Quer ter segurança, educação e saúde? Então não reclame e pague os seus impostos. Deixe de ser sovina, egoísta de plantão, babaca e canalha e pague os impostos devidos, pois somente assim vamos construir uma sociedade justa no futuro.

A vida é um permanente ir e vir, dar e receber, participar para se beneficiar também.

Se há um trabalho, há um ganho, há uma produção de um bem ou serviço que será utilizado por outros membros da sociedade. Para também se beneficiar de outros serviços produzidos na sociedade, há necessariamente que haver o pagamento de impostos. a luz que ilumina as ruas, o lixeiro que recolhe o seu lixo, o policial que te protege, tudo isto vem de impostos.

Como alguém quer ser beneficiário do bom e do melhor e nada quer contribuir para tanto na sociedade? Os sonegadores são mesmo a escória humana, corruptos maiores da sociedade, e são comparáveis aos vampiros sociais que corrompem as estruturas sociais e são diretamente os responsáveis pelas maiores desgraças humanas atuais.

Um vampiro social é aquele que é capaz de tudo contra outros seres humanos obtendo vantagens muito além do direito e justo para si mesmo. Este ignorante deve ser combatido sem tréguas por toda a sociedade.

E se alguém, algum super empresário ganha muito e acha injusto ou considera justo roubar o povo ao não pagar os impostos, vemos então  um sujeito absolutamente “doente” como ser humano, com um terrível desvio comportamental. Se, por exemplo, é o dono de uma indústria que ganhou muito, vendeu muito e teve altos lucros, é importante que saiba que se ele ganhou muito, vendeu muito, vendeu para alguém, não é? Para ter altos lucros ele se beneficiou da sociedade, de clientes, de consumidores, de muitos consumidores que são membros da sociedade, então sua fortuna se deve a venda que efetuou para estes membros da sociedade e há o princípio de retorno que deve ser obedecido por questões éticas e morais; na medida que ele se beneficiou de “outros” ele tem a obrigação moral de retornar isto também para os outros membros da sociedade, e no mínimo, como cidadão honesto, justo, correto  da sociedade, pagar regularmente todos os impostos legais. É o mínimo que deveria fazer.

Ninguém neste Planeta se torna rico sozinho, ele deve isto ao povo, à sociedade, ao país. Este povo, esta sociedade, este país somente existe porque os “outros” estão a pagar os impostos. Sem arrecadação de impostos, não temos governo, não temos sociedade, e voltamos todos à Idade da Pedra. É isto que se deseja? Acha justo enganar e mentir para todos os cidadãos de seu país?

Já existe uma nova visão com muitos ricos no mundo que reconhecem que sua riqueza se deveu a existência do ser humano, do trabalhador e que portanto, eles precisam apenas de uma pequena parte dos lucros para viver, e todo o restante é reaplicado na própria sociedade voluntariamente, através de investimentos sociais, doações para fundações e ONGs e outros mecanismos legais. Este novo tipo de visão da sociedade compreende uma nova moral humana que a cada dia conquista mais adeptos. Ainda bem que o ser humano continua a evoluir, pelo menos alguns deles, e embora em pequeno numero sãos os líderes que transformam a civilização e garantem a permanência da chama da existência futura do homem sobre a Terra.

Os que ignoram a melhor moral e ética do ser humano que não se restringe a leis da sociedade, são apenas seres ainda desprezíveis e primitivos, ignorantes humanos porque ignoram as leis que formam o Universo e a própria existência humana. Juntam milhões, bilhões, e nem sabem para que, mas querem mais, mais e mais. Tem medo do que? São covardes? Tudo isto inutilmente porque isto não vai fazê-los mais feliz, mesmo porque um dia a morte chega e certamente não saberão explicar nem por que nasceram e para que serviram para a sociedade, além de roubar e matar outros seres humanos.

Na lei de Deus é crime hediondo aquele que age para beneficiar a si próprio em prejuízo de outrem. E vai pagar caro por isto. Muito caro. Isto não tem perdão no Universo.

“Dai a César o que é de César, e dai a Deus o que é de Deus!”

Por Atama Moriya em 23 de julho de 2012.

Anúncios
Esse post foi publicado em "2012" - Fim de um ciclo, A falsa democracia brasileira, Ética e Razão e marcado , , , , . Guardar link permanente.

Uma resposta para 23 jul 12 – Brasileiros muito ricos têm 4ª maior fortuna em paraísos fiscais – Sabia que isto também é corrupção?

  1. Atama, bom dia! Te pergunto se você acredita numa forma de reverter essa situação. Te pergunto se você acredita que, por eleições “livres” (em que optamos, porém não elegemos ninguém), podemos crer que alguém colocará a mão na cumbuca deles. Não acredito nisso, porém está tudo dentro do script da evolução deste planeta.

    A polarização de forças e energias é pra separar o trigo do joio, é pra levar à desagregação mesma de toda a estrutura, para soterrá-la de vez e, após algumas catástrofes, restarem apenas algumas subestruturas que garantirão a permanência da espécie humana no planeta.

    As pessoas devem se preocupar com a depuração de suas almas, antes de tudo, pois as estruturas mundanas dessa “civilização” estão destinadas à extinção, em breve.

    “Buscai, antes, o Reino de Deus e sua justiça, e todas as outras coisas vos serão acrescentadas” (na medida necessária) – não nos esqueçamos!

    Um abraço e boa semana!

Opte por deixar comentários claros, concisos, compreensíveis e racionais. Evite palavrões, palavras ásperas e críticas/ofensas a outras pessoas. Lembre-se que este blog é muito lido por menores de idade. Por favor, deixe bons exemplos.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s