18 ago 11 – O que eu penso do Planeta X – respondendo ao Jeff

Eta tema irado este, principalmente agora que se aproxima 2012.

Mas respondendo ao Jeff nos comentários sobre o que penso sobre o Planeta X, na minha visão teosófica (que pode estar errada), não creio na existência da forma proclamada do Planeta X.

Já em vários posts, desde o inicio deste blog tenho comentado de passagem que dentro da concepção teosófica este Planeta X, Nibiru, Marduk, Pequena Marrom, Chupão, Tampão ou outros nomes que são dados não existe em nossa dimensão física.

Pode até considerado um Planeta, mas em formação temporária ainda no plano astral para onde são encaminhadas as almas que serão retiradas desta evolução.

(por favor, antes de concluírem precipitadamente qualquer coisa leiam os vários posts mais antigos sobre as raças e nossos destinos – é um pouco cansativo pois somam mais de 200 posts que dão uma visão macro da atual situação da humanidade-sem uma visão macro não dá para tirar nenhuma conclusão!).

É um astro somente para almas e para passagem temporária em outro plano, mas já fora do plano evolutivo Terra. Ou seja, são almas que não participarão mais desta evolução terrestre, mas serão muito úteis em outras evoluções mais atrasadas no futuro, depois, talvez mais de 1 bilhão de anos a frente de nosso tempo; em outros Planetas de vida de superfície ou interna como na maioria dos orbes do Universo. E pode ser também que nem seja neste Universo, uma vez que há infinitos universos.

Tal futuro planeta-destino final, casa morada futura de milhões de nossa atual raça ariana é relatado nas escrituras como Absinto, um nome simbólico, posto que simboliza a morte e o renascimento. Não é um prêmio, mas simbolicamente um sonífero que se toma e se dorme para quase sempre.

Também não é um castigo, posto que isto inexiste, se restringindo a análise somente para o entendimento que são almas que absorveram o máximo de experiências possíveis nesta nossa amada Terra, contudo, neste mini julgamento de final de era de peixes não obtiveram a nota mínima de valor de consciência para prosseguir aqui.

“Na Casa de meu pai há muitas moradas, infinitas moradas”

As religiões dão dezenas de versões e interpretações e são todas respeitáveis, afinal todas tem origem anterior na própria teosofia que é muito mais antiga do que se imagina. O problema, como se diz não recai sobre as religiões, mal ou convenientemente interpretadas, mas nos religiosos.

Contudo, assim deve ser, cada um deve acreditar naquilo que lhe traz mais conforto e lógica, e varia conforme varia o seu grau de consciência em vida.

O Apocalipse de Cristo, ditado a João, é sem dúvida alguma o mais belo testamento da Raça Ariana e o que está escrito vai acontecer, somente que em um espaço de tempo que vai até o fim da Raça Ariana e ainda faltam milhares de anos para que isto aconteça.

Não vai aparecer nenhum astro intruso, Planeta Tampão, ou algo parecido aqui em nosso sistema solar para levar as almas. É uma questão de opinião baseada nos estudos mais antigos que todas as religiões, afinal este astro já existe em outra dimensão e não vai e nem precisa se materializar aqui no nosso plano físico.

Astros, orbes e cometas existem por aí, vagando em nosso espaço, mas nenhum é o pretendido Planeta que fará a limpeza. Nem é necessário. Está tudo bem organizado no Plano Evolutivo da Terra.

Neste momento os quatro cavaleiros do apocalipse estão em ação: o do Domínio que irá estabelecer a ruína dos dominantes econômicos (entenda isto como quiser); o da Fome que já está causando muitas mortes e vai aumentar nos próximos anos, o das Doenças que deve surgir com mais força ainda e finalmente o Cavaleiro da Guerra, esta que já ocorre no campo econômico, social, cultural e pode se estender para uma Guerra em grandes proporções (atenção aos países que tem uma meia lua na bandeira).

Neste momento recomendo que leiam atentamente os posts mais antigos deste blog antes de saírem concluindo coisas indevidas por aí e tirando conclusões falsas.

A nossa humanidade não terá fim, a nossa civilização não terá fim, apenas os homens estão mudando e evoluindo. Não é possível enxergar isto apenas em alguns anos, mas de geração para geração.

O Brasil de 2090 será o grande líder mundial da Paz, Prosperidade e Progresso Humano.

Por Atama Moriya, em 18 agosto de 2011.

Anúncios
Esse post foi publicado em texto e marcado , , . Guardar link permanente.

Opte por deixar comentários claros, concisos, compreensíveis e racionais. Evite palavrões, palavras ásperas e críticas/ofensas a outras pessoas. Lembre-se que este blog é muito lido por menores de idade. Por favor, deixe bons exemplos.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s