18 abr. 11 – Revolução no Yemen – Incrível – O Presidente resiste e não sai do Poder

O Presidente Ali Abdullah Saleh recebeu um prazo de duas semanas para deixar o poder e com garantias de imunidade, porém, ele não aceitou, pelo menos não ainda.

Protesto no Yemen Saana

No Yemen os protestos são cada dia maiores, embora dezenas de pessoas tenham sido feridas e dezenas foram assassinadas durante os protestos por forças de segurança do Presidente Saleh ou por ativistas pró governo.

Parte dos militares desertarem e estão a favor do Povo pró-democracia e há diariamente embates e tiroteios em várias cidades. Embora no Yemen muitos cidadãos tenham armas, os protestos da população são realizados pacificamente e desarmados.

O Conselho de Cooperação do Golfo, composto de seis nações, com a participação de um parente de Saleh propôs a saída de Saleh e transferência do Poder ao seu vice, trato que os manifestantes consideraram imoral e uma forma de desviar os objetivos de democratização do país. Logo também não foi considerado pelos líderes da manifestação.

Até quando isto vai durar? Ninguém mais sabe. Mas a situação de Saleh é péssima e a cada dia mais insustentável, muito pior que o Presidente da Síria.

Por Atama Moriya, em 18-04-2011.

Vejam este vídeo desta semana.

Anúncios
Esse post foi publicado em "2012" - Fim de um ciclo e marcado , , , , . Guardar link permanente.

Opte por deixar comentários claros, concisos, compreensíveis e racionais. Evite palavrões, palavras ásperas e críticas/ofensas a outras pessoas. Lembre-se que este blog é muito lido por menores de idade. Por favor, deixe bons exemplos.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s