A verdade sobre os UFO’S – 2

Vamos abordar este tema de forma paulatina e simplificada para que todos possam compreender talvez não aceitar, mas no mínimo passarão a pensar a respeito, e se isto não traria uma certa lógica em suas mentes.

Segundo a tradição de todas as escolas esotéricas ou de ocultismo, isto de muito antes da Era de Cristo, há nove degraus na escada de Jacó, sendo sete conhecidos mais de perto. A escada de Jacó representa os graus de consciência dentro das hierarquias divinas e é de forma simplificada a representação dos mundos do ressuscitados, como o Jesus, como Cristo na tradição católica.

O mundo dos ressuscitados é o mundo dos vivos-vivos, é para onde vamos caso iniciemos a caminhada evolutiva entre os vivos, e para tanto é condição sine-qua-non que conquistemos esta vitória evolutiva começando pelo primeiro degrau da escada, ou seja, que sejamos aprovados com uma nota mínima para ingressarmos nesta escola da vida.

Enquanto não atingimos este patamar de nota mínima de grau de consciência, a qual está fincada em três pilares: amor, ética e moral, continuaremos vida a após vida entre os vivo-mortos na terra e entre os morto-mortos nos planos superiores, astral e mental inferior.

O mundo dos ressuscitados é mencionado em várias escrituras antigas e alguns continuam a ser publicados como o Livro dos Mortos Tibetano, mas cuja leitura e compreensão não é fácil e exige alguém que tenha avançado mais e possa explicá-lo.

Mas sem muita teoria vamos explicar estas questões no âmbito macro e depois cada um que busque mais informações e conhecimentos através de suas próprias pesquisas e estudos em escolas iniciáticas de bom nível.

Blavatsky em sua monumental obra teosófica a “A Doutrina Secreta” deu uma pincelada nesta questão, mas foi o Prof. JHS há um pouco mais de cinqüenta anos que trouxe maiores lições e explicações a respeito de forma a podermos compreender afinal o que vem a ser o mundo dos ressuscitados. Portanto, trata-se de um conhecimento novo que o mundo desconhece completamente, pois este ser extraordinário, um Manu ou Condutor nasceu brasileiro da nossa terra santa, Salvador. Não tem em livros nenhum ainda, que eu saiba.

Eu não sou nem de longe a melhor pessoa para explicar isto, mas há aqueles que foram discípulos diretos do prof. JHS e estão melhor preparados para dissertar sobre isto. Mas enquanto não o fazem, eu escrevo aqui algumas linhas mais simplórias.

O nosso planeta tem o nosso mundo físico que conhecemos quando estamos encarnados, e tem mais seis planos superiores, os quais chamamos pelas religiões de nossos céus. Destes seis planos superiores conhecemos e estão operando o Plano Etérico, o Plano Astral, o Mental Inferior e o Mental Superior ou Abstrato. Os demais ainda não estão abertos e em operação.

Estes Planos estão aqui mesmo no Planeta e se intercalam com o nosso físico, apenas com dimensões ou átomos mais sutis, em outro campo vibratório. Estes Planos não ficam na lua, no espaço sideral ou qualquer outro lugar que não seja o próprio planeta.

Por outro lado, existem em ação também no próprio Planeta o que chamamos de Planos Internos. Quem não ouviu falar de civilizações intra-terrenas? É só ler Terra Oca de Raymond Bernard que vão entender mais sobre esta questão. Ou se conseguir um exemplar ler “A Mansão dos Mortos” escrito por um rosa-cruz.

Ou ainda assistir um filme antigo chamado “Shan-gri-lá” que falam sobre a existência destes mundos internos.

Não por acaso que todos estes conhecimentos têm vindo à tona agora, nestes tempos, com mais força. Antes foram só introduções para que a Humanidade pudesse assimilar isto, e aos poucos, novas informações serão lançadas ao longo das próximas décadas.

Não se espera neste momento que todo mundo aceite e compreenda isto de imediato, mas pelo menos a parte raciocinante da população que busca entendimentos mais lógicos. Não dá mais para acreditar o tempo todo em “céu e inferno” numa roda gigante que parece não ter fim e não é capaz de abrigar compreensões maiores sobre a evolução da cadeia hominal. Jesus trouxe consigo e deixou à humanidade uma série de ensinamentos da Era de Peixes, por isso da alegoria da multiplicação de pães e peixes. Mas já adentramos na Era de Aquarius, então nada melhor que adentrarmos mais em outros ensinamentos além de multiplicações na Era de Peixe e passarmos para explicações mais lógicas para a mentes mais abertas da Era de Aquarius.

– continua –

Atama Moriya


a-verdade-sobre-os-ufos-3/

a-verdade-sobre-os-ufos-4-os-extra-terrestres-e-ovni/

Home

Anúncios
Esse post foi publicado em A verdade sobre UFO's, texto e marcado . Guardar link permanente.

Uma resposta para A verdade sobre os UFO’S – 2

  1. Adriana disse:

    Poxaaaaa…vc já respondeu parte das minhas perguntas aqui!!!…rs…rs…

    Vamos aguardar os proximos capitos…

    Bjssssss

Opte por deixar comentários claros, concisos, compreensíveis e racionais. Evite palavrões, palavras ásperas e críticas/ofensas a outras pessoas. Lembre-se que este blog é muito lido por menores de idade. Por favor, deixe bons exemplos.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s