Capítulo 16 – O Amor, o Homem e a Mulher

(clique aqui para ver link para todos os capítulos)

Ao iniciarmos este capítulo vou lhes dizer uma coisa que deve ficar gravada em vossas mentes para sempre:

Compreender a natureza evolutiva do homem e na mulher, aprender exatamente o que há esotericamente no encontro dessas duas polaridades, conhecerem os mistérios da vida em união sagrada entre o homem e a mulher, desvendar os mistérios destes microcosmos, da polaridade mais tangível que tanto o homem quanto a mulher podem sentir e usufruir entre si, compreender o que resulta desta união entre o positivo (masculino) e o negativo (feminino), os levará a conhecer toda a natureza do Universo, compreenderão o porquê de suas vidas, o porquê de suas existências, o porquê os seres são infelizes por natureza, entenderão finalmente quais os seus destinos e o que estão fazendo aqui.

E mais, compreenderão o porquê muitos desejam sofrer inconscientemente mais que os outros, compreenderão o porquê desta vida de luta desespera para se proclamarem felizes mesmo reconhecendo seus vazios, suas próprias insatisfações, seus constantes vazios e a busca constantes de preenchimentos humanos, como se isto fosse realmente capaz de completá-los.

Esta é uma chave, talvez a mais importante chave para conhecer a Deus. Muitos dirão, mas que tolice! Pode ser, é aceitável que não possam compreender isto, pois que este conhecimento por si só daria para escrever dezenas e milhares de páginas de um livro que chamar-se-ia “ O GRANDE LIVRO DA VIDA “.

Este grande livro não se encontra escrito ainda fisicamente, mas ele já está escrito nas estrelas, nos mundos sutis, algumas partes contendo algumas pistas estão em poucos livros, mas a maior parte já se encontra escrito em cada coração e em cada mente de cada ser humano encarnado ou desencarnado, mas necessita de uma chave mágica para acessá-lo: Amor, mas não o amor dos homens e das mulheres, mas um amor que transcende os limites do impossível para os humanos e atinge o mundo das coisas possíveis para Deus e os verdadeiros filhos de Deus.

Para a maioria absoluta sei que não nada parece real, mas não faz mal, sei que um dia compreenderão, entretanto, para poucos alguma coisa dentro está batendo neste momento e intuitivamente estão compreendendo esta verdade que não é revelada abertamente há milênios, a não ser discípulo à discípulo, de boca à ouvido.

Conheçam e estudem todo o conhecimento esotérico que envolve a união entre o homem e a mulher e sua unificação em nome de Deus e, um dia, estarão prontos para conhecerem ao Pai, não simplesmente unidos, mas fundidos pelo coração em todos os planos de existência.

Quando citamos os vários estágios da consciência dá-se para depreender que existem vários estágios também resultantes destes graus de consciência.

Assim, também o Amor, tem vários níveis ou estágios, dependendo do grau de consciência de cada um. É natural que graus inferiores de consciência podem produzir grandes amores, entretanto, são níveis dentro de cada um. Consciência não representa em absoluto os graus de cultura ou conhecimento do indivíduo, mesmo porque estes dependem dos seus esforços instrutivos em cada vida.

Entretanto, consciência tem sua força e colunas baseadas na ética e na moral que são sabedorias intuitivas (vem de dentro para fora) previamente gravadas em vidas anteriores e não dependem de Phd’s.

Aliás, nos dias atuais os maiores criminosos do Planeta são pessoas especialmente cultas e inteligentes, bem preparados em cultura e conhecimento, todavia, ao ocuparem cargos mais elevados dentro de empresas, instituições e governos se tornam extremamente ambiciosos resultando na corrupção generalizada que vemos por aí.

Nas contas do Universo estes são os piores seres humanos, pois se valem de suas posições e cometem “roubos na calada da noite” e prejudicam não apenas alguns, mas invariavelmente milhares e até milhões e milhões de seres humanos, notadamente os da classe política.

Mas voltemos aos estágios de amor, se temos quatro corpos neste dia da criação, significa que estamos desenvolvendo os atributos e a capacidades de cada um destes corpos, isto posto, fica claro que o Amor deve também desenvolver-se de acordo com os graus ou estágios da consciência; quanto mais assumimos a nossa consciência, melhor formatamos nossos corpos, por conseguinte, melhor e maior é o desenvolvimento do amor como energia evolutiva.

Então podemos definir estes quatro primeiros estágios (outros três virão nos próximos dias da criação) como estágio do amor-físico, o qual basicamente está interligado as sensações, do físico-etérico, em seguida temos o mundo das emoções que desenvolve o amor-físico-astral e finalmente este sentimento no primeiro nível do amor-físico-mental, um primeiro estágio do amor-sabedoria que mais e mais se desenvolverá nas vidas futuras.

Neste momento é importante entender que o desenvolvimento pleno dos quatro corpos básicos é fundamental para a evolução do ser humano, a evolução ocorre de forma concomitante com o desenvolvimento do amor-sabedoria e da consciência. São colunas que dependem uma da outra, não se desenvolve puramente apenas uma ou duas das colunas, tudo é simultâneo. Com o desenvolvimento do corpo físico, do corpo etérico e do corpo mental, obtém-se o domínio das faculdades superiores e sutis de cada corpo, pois igualmente desenvolvem-se também os chacras nestes níveis.

Neste quinto dia da criação todos podem ascender os primeiros degraus da escada de Jacó e assim se tornar um ressuscitado e fazer brilhar a sua estrela nas plêiades.

Mas onde entra a relação homem-mulher em corpo físico aqui na Terra nos caminhos evolutivos?

– continua –

Atama Moriya

Home

Anúncios
Esse post foi publicado em Livro online-Amor, O amor o homem e a mulher, texto. Bookmark o link permanente.

Opte por deixar comentários claros, concisos, compreensíveis e racionais. Evite palavrões, palavras ásperas e críticas/ofensas a outras pessoas. Lembre-se que este blog é muito lido por menores de idade. Por favor, deixe bons exemplos.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s