Criacionismo versus Evolucionismo

O estudo da evolução humana não tem fim, como também não teve começo, seria difícil imaginar um fim, um determinado ponto em que não haverá mais evolução alguma. Como isto poderia acontecer?

Todos os reinos evoluíram e muito aqui na Terra. Sempre se imagina só o reino hominal, mas a coisa se aplica a todos os reinos.
A Terra enquanto planeta em sua composição mineral é a que evolui mais lentamente, tipo para formar pedras levam-se milhões de anos e assim por diante. No reino vegetal houveram muitas evoluções. Se no passado de milhões de anos haviam árvores de 200 a 300 metros de altura e samambaias de 60 metros, hoje vemos uma acomodação e espécies vegetais perfeitamente harmonizadas com todos os demais reinos. No reino animal, tivemos animais de 100 toneladas andando por aí, hoje isso seria incabível. No reino hominal o ser vem tendo profundos progressos, senão vejamos que na raça ariana, se contarmos apenas os últimos 250 mil anos, naquela época passada éramos trogloditas, e passados cem mil anos pouca coisa tinha mudado. Então foram 150 mil anos quase estagnados sob a nossa ótica. Entretanto algo ocorreu há 80 mil anos atrás, que fez o homem começar a dar saltos (se saltos possam ser considerados possíveis pela ciência), e de repente tivemos as construções das primeiras pirâmides na face da terra (entre os chineses e os toltecas e possivelmente os incas). Posteriormente, entre 25 a 40 mil anos surgem as pirâmides egipcias, então, podemos dizer que houve algo de extraordinário neste período.

E não parou mais, há 10 mil anos o ser humano praticamente disseminou a sua evolução sobre a face da terra! Onde quer que se fosse já havia muitas civilizações com reinos, cidades, governos, etc…tudo bem organizado à época. E até as navegações surgiram como do nada.

O que eu quero dizer é que durante 150 mil anos quase nada aconteceu, e de repente, coincidindo com os relatos históricos, surgem as grandes civilizações que culminaram no ano de cristo com os romanos sobre o domínio. Uma evolução sem dúvida. Houve o surgimento da matemática, tecnologias, etc… e o homens que viviam em cavernas de repente estavam agrupados em cidades fortificadas, longe dos predadores, mas fortificas agora para se defenderam de outros homens.

Já do ano zero até o ano de 1850 a 1900, houve uma evolução sem dúvida, mas já não tão rápida como poderia de se esperar em dois mil anos. O que houve?

Fisicamente houve uma apuração, a mente criava mais, o cérebro teve um forte desenvolvimento abstrato, é só contar os sábios e inventores que surgiram nos últimos 1000 anos.

Agora, faça como os pesquisadores que comparam o homem de 200 mil anos atrás e o homem do ano zero. Uma estrondosa evolução, sem dúvida. Agora compara o homem do ano zero (hipotético), da época de cristo, com o homem de 1900. Sem dúvida, uma rápida evolução e graficamente tendendo a verticalização nestes dopis mil anos. Algo fantástico.

Mas ai entra o ultimo dado comparativo. Veja o homem de 1900 com o homem atual. É notória a sua rápida evolução em todos os sentidos, inclusive genéticos. Em cem anos fez-se praticamente toda a evolução do homem. Agora ele vai à lua!

Note-se que deve-se comparar períodos de evolução. Então, conclui-se que algo está mudando mesmo. Esta é a conclusão da ciência. Inclusive com o surgimento constante de novos genes ativos que não estavam presentes em muitas raças, hoje presente em quase todas. Como isto foi possível?

Criacionismo ou Evolucionismo? Quem explica?

Não gosto muito de escrever a respeito (acaba em críticas). Mas hoje lastchild vou dar uns pitecos sem ofender nenhuma das duas teorias e sabe porque?
Ambas estão corretas, sob a minha visão e meus conhecimentos.
Todas as evoluções sejam espirituais ou físicas pressupoem dois tipos de evolução: uma horizontal decorrente dos ambientes físicos e outra vertical decorrente de fatores que a ciência desconhece, ainda, mas começa a investigar loucamente atrás de respostas. Ajuda nisto a curiosidade dos cientistas, os quais de posse de velhos livros de esoteristas de séculos atrás tratam de investigar se as teorias e os conhecimentos podem ser negados hoje, ou ainda dependerão de mais ensaios para estas conclusões num futuro que pode não estar tão distante.

O que laboratórios como o CERN e outros no Japão e Alemanha fazem é justamente investigar velhas teorias escritas por alquimistas de até 10 séculos atrás. Recentemente alemães e japoneses recriaram em laboratório o aprisionamento de certas moléculas utilizando métodos dos alquimistas, com água pesada. Com a diferença que hoje temos equipamentos de altíssima precisão e possantes computadores.

Acreditar que só o darwnismo explica tudo isto, nem os próprios cientistas acreditam mais e estão atrás de outras respostas.

Há um livro de um físico brasileiro sobre estas descobertas cientificas e estudos dele à luz do esoterismo, que não li, mas amigos me recomendaram enfaticamente (nos ultimos anos parei de ler livros – acho que a minha ram está dando “tilts”), não me lembro o nome, mas acho que é da Editora Record, se estiver errado, peço desculpas.

Mas também não podemos creditar a evolução horizontal ao Criacionismo, mas a mão do homem, pelo menos em boa parte da obra, com certeza.

E durma-se com este barulho.

Atama Moriya

Leia também relacionado ao assunto

Espiritismo, Teosofia e os Extra-terrestres

Darwin fracassou?

Cientista espera que o mundo viva sem influencia da religiao

E também os capítulos 2, 3 e 4 de

Vida passadas e recorrências

e também

A Verdade sobre os UFOs, Extra-terrestres e Intra-terrestres

Home

Anúncios
Esse post foi publicado em Criacionismo, Evolucionismo, texto e marcado , , , , . Guardar link permanente.

8 respostas para Criacionismo versus Evolucionismo

  1. handal disse:

    Bom, como diria Jack o estripador, vamos por partes, primeiros,há uma mentalidade pequena e retrógada, que tenta dissociar a ciência e Deus, Alá, ou o nome que derem a inteligência suprema, que criou não só esta orbe, como também muitas e infindáveis coisas que não sabemos, e que não temos nem condição de entender, falo, muitos de nós,pois a maioria sucumbe ante a indolência a ignorância e ao desequilíbrio de qualquer ordem, e pasmem se regozijam com isto, homens melhores e mais evoluídos intelectualmente, já não faziam tal separação vide Einstein, o mais celebrado e conhecido cientista acreditava em Deus, pesquise seriamente sua vida e verá, e portanto as teorias não são excludentes e sim complementares, pois o Big bang, não poderia ser o inicio, o verbo, a ordem divina, ou vocês realmente acham que Deus usaria vocábulos para tal, enquanto o homem não tentar evoluir moralmente e intelectualmente na mesma ordem, não compreenderá, não terá acesso,não partilhará, nada além do que o materialismo permite, e mesmo assim já causa muito mal a si mesmo e a outros

  2. Alisson-Geólogo disse:

    Eu acredito na ciência. Mas não é por que eu quero acreditar. Na verdade, se a ciência fosse algo relativo nós viveríamos em um mundo mágico, não é o que ocorre. Por isso sou estudante de Geologia.
    Em relação à Teoria da Evolução digo que foi bem formulada e é válida até o ponto em que passa pelo método científico, a partir daí já não posso dizer o mesmo. Já a Teoria da Criação apenas prova que o universo não pode ter evoluído. Crer ou não em Deus é uma questão espiritual e pessoal de cada ser humano. O que acontece é que muitos usam a ciência para se esconder. Outros apenas não se preocupam. Ainda outros preferem não pensar nisso. Eu creio em Deus. Creio de verdade. Em Deus, não no pastor e muito menos na igreja. Creio na Bíblia que é a Palavra de Deus e em Jesus Cristo Seu Filho. Se você está na dúvida eu te desafio a ler o Evangelho de João, que fica no Novo Testamento, e julgar se Cristo é Filho de Deus ou não e quais as implicações disso. Fica aí o desafio para você…

  3. laura leticia disse:

    parabena demais!!!!

  4. laura leticia disse:

    parabens demais!!!

  5. Atama Moriya disse:

    Olá Solange,

    Agradecido pela visita. Paz e Bem.

    AM.

  6. Atama Moriya disse:

    Pois é Edicarlos,

    Agradecido pela sua manifestação. É importante que as pessoas como você faz, pensem mais, e se agridam menos. Não há necessidade de exacerbação.

    Abraços.

    AM.

  7. edicarlos severino dos santos disse:

    ATÉ HOJE NÃO EXISTE NENHUMA PROVA CIENTIFICA OU EXPIREMENTAL QUE ACEITE A TEO RIA DA EVOLUÇÃO COMO VERDADEIRA, MUITO PELO CONTRÁRIO HOJE NO RAMO DA GEOLOGIA E DA ARQUEOLOGIA, HÁ MAIS EVIDENCIAS EM ALGO CRIADO POR UM CIRADOR ONIPOTENTE, ALGO UE NENHUM SER HUMANO POSSA QUESTIONAR, POIS ELE MESMO É FRUTO DE UM CRIADOR, NUMCA ELE MESMO TERÁ O DIREITO DE QUESTIONAR UM DEUS REAL AMOROSO E PRESENTE, SE HOJE PUDESSE QUERER ENTENDER DEUS, EU TERIA QUE SER DEUS, POIS NÓS SOMO MEROS MORTAIS TODOS SUJEITOS A MORTE, QUE É AQUELE QUE PODERÁ EXPLICAR A EXISTENCIA DA VIDA A NÃO SER AQUELE QUE É A PROPRIA VIDA, ELE DEIXOU NA NATUREZA PELA ARQUEOLOGIA E QUALQUER OUTRO RAMO DA CIÊNCIA PODEMOS VER IMPRÊSSÕES DIGITAIS, DE EVIDÊNCIAS BIBLICA COMO O DILÚVIO, OU OS DINSOUROS, O QURÂM E OUTROS ESCRITOS BIBLICOS ENCONTRADOS QUE DESCREVEM A CRIAÇÃO VINDA NÃO POR ACASO MAIS POR UM DEUS CRIADOR.

  8. solange disse:

    ola

Opte por deixar comentários claros, concisos, compreensíveis e racionais. Evite palavrões, palavras ásperas e críticas/ofensas a outras pessoas. Lembre-se que este blog é muito lido por menores de idade. Por favor, deixe bons exemplos.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s